Início
Downloads

20/10/2017
Bom Dia!
Fonte Menor Texto Original Fonte Maior
Acesso a informação



Defesa Civil
20/10/2017
7:00

1.22 











Trilha da Polenta

Trilha da Polenta




História de Rio do Oeste
 
   

Luiz Bertoli, que há muito esboçava um movimento de novas colonizações, incentivado por Vidal Ramos e motivado pela atividade inspiradora do então vigário de Rodeio, Frei Lucínio Korte, com qual tivera longos diálogos, organizou a primeira expedição do reconhecimento, formada também por Manoel Moratelli, José Franzói, Luiz Girardi, Battista Campregher, Antônio Fronza, Ângelo Moser, José Largura e Battista Giotti, que aportaram em maio de 1912, na confluência do rio das Pombas com o rio do Oeste, razão do primitivo nome, Barra das Pombas.
O nome rio das Pombas, por sua vez, "surgiu devido ao grande número de pássaros dessa espécie na região".

No final da década de 1920, a então "freguezia de Barra das Pombas" recebia o nome de "Villa Adolfo Konder", conforme documento de 27 de Agosto de 1927, que registra a visita do Governador Adolfo Konder a "Barra das Pombas e Taió, sendo que a primeira se glória em tempo vindouro, de ter o nome Adolfo Konder".

Pouco tempo durou a denominação de Villa Adolfo Konder, pois logo após a Revolução de 1930, este núcleo passou a chamar-se Rio do Oeste.
Por ocasião da nova divisão administrativa e judiciária do Estado, conseqüente a sanção da Lei Estadual n.º 247, de 30 de Dezembro de 1948, a antiga "freguezia de Barra das Pombas" recebeu oficialmente o nome de Rio do Oeste.

Esse diploma legal criava o distrito de Rio do Oeste e os Municípios de Taió e Ituporanga, no Alto Vale.

Na época, dirigia o município de Rio do Sul o prefeito Wenceslau Borini, sendo governador do Estado Aderbal Ramos da Silva, ambos pertencentes ao Partido Social Democrático, P.S.D.

Em 23 de Junho de 1958 foi criado o Município de Rio do Oeste, numa época de notável crescimento nacional e de amplas liberdades democráticas sob a égide do então Presidente da República, Juscelino Kubitschek de Oliveira.

Instalado oficialmente a 23 de Julho de 1958, foi administrato por Massimo Girardi, prefeito nomeado, que permaneceu no cargo de julho de 1958 até 31 de Janeiro de 1959.

Nesta data, assumiu a direção dos destinos municipais Leandro Bertoli, que, tendo sido o "primeiro prefeito escolhido pelas urnas populares" na eleição realizada a 3 de Outubro de 1958, governou até 31 de Janeiro de 1964.

 
© 2006-2010 Todos os Direitos Reservados à Prefeitura Municipal de Rio do Oeste